Publicado por: Katarine Rosalem | 20/08/2009

O jogo da velha

Nesta quinta-feira o programa “Um dedo de Prosa” recebe a música e escritora Beatriz Abaurre. Durante um bate papo descontraído, Beatriz, que é membro da Academia Espírito-santense de Letras, da Academia Feminina Espírito-santense de Letras e do Instituto Histórico e Geográfico do Espírito Santo, nos contou quando foi que a literatura entrou na sua vida, e nos confidenciou que não sabe vender seus livros – “eu prefiro dar de presente”, resaltou.

Entre o lobo e a mãe
Beatriz Abaurre nasceu em Londrina, no Paraná, mas se considera capixaba. Como música, é integrante das orquestras de Câmara da Escola de Música do Estado e da Ufes, e integrante da Orquestra Filarmônica do Espírito Santo.
Seu mai recente livro, “O Jogo da Velha“, lançado em 2006, é uma releitura da história da Chapeuzinho Vermelho, em que não há um vilão, e sim uma vilã, a mãe de Chapeuzinho, que não tem destaque na história original.
“Sempre fui intrigada com a história da mãe da menina, pois achava ela muito desleixada com a filha. Por isso, acho que no fundo, a culpa é da mãe”, brincou.

Não perca, nesta quinta-feira, às 13h30, na TV Assembleia, canal 12 da Net.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Categorias

%d blogueiros gostam disto: